- Publicidade -

Desvendando o bullying na fase adulta: Entenda, previna e transforme sua realidade

0

Você já ouviu falar em bullying na fase adulta? Apesar do termo bullying ser amplamente associado a comportamentos agressivos entre crianças e adolescentes, essa prática nociva não se restringe apenas ao ambiente escolar. Infelizmente, o bullying também pode ocorrer no meio adulto, se manifestando de diversas formas na família, no trabalho e até mesmo em relacionamentos amorosos.

- Publicidade -

A vítima de um bullying adulto pode enfrentar os mesmos efeitos prejudiciais que uma criança ou adolescente sofre, incluindo ansiedade, baixa autoestima, depressão e até mesmo pensamentos suicidas. A perpetuação desse comportamento nocivo pode causar danos a longo prazo, não só à vítima, mas também ao agressor e a quem presencia a agressão, daí a importância de conhecer melhor essa realidade e aprender como lidar com ela.

Bullying
Foto: Reprodução Factorial

Leia mais:

Adolescente vítima de bullying e homofobia abre fogo em escola, mata uma e fere dois

- Publicidade -

Ataque em escola desperta alerta: Lula condena fácil acesso de jovens a armas

Quem são os agressores adultos?

No ambiente de trabalho, pode ser um chefe ou colega que se utiliza de sua posição para intimidar, ridicularizar ou sabotar a vítima. No cenário familiar, um adulto agressor pode ser um irmão, primo, tio, pais e até mesmo os filhos, que se aproveitam de laços familiares para humilhar ou descreditar o outro. Em relacionamentos amorosos, o bullying pode ser caracterizado por comportamentos abusivos, que vão desde críticas constantes até violência física.

Mas afinal, como lidar com o bullying de adultos?

Lidar com o bullying de adultos requer coragem, autoconhecimento e muita informação. É fundamental entender que ninguém deve ser submetido a uma situação de humilhação ou desrespeito. Se você é vítima de bullying, buscar ajuda de profissionais da saúde mental e jurídica é essencial para conseguir lidar com a situação.

- Publicidade -

Para o agressor, é importante a tomada de consciência dos danos que suas atitudes podem causar aos outros, bem como a si mesmo. Buscar ajuda profissional para mudança de comportamento também é indicado, pois muitas vezes, o agressor é uma pessoa que precisa de apoio psicológico para superar traumas e problemas pessoais.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. AceitarLeia mais

Horóscopo Do Dinheiro: 5 Signos Que Terão Muita Grana Este Ano BioBoost: A IA do LinkedIn que Potencializa sua Presença nas Redes Sociais Tiktok: Plataforma é banida em mais um país no meio político Chamas da Vingança se Espalham: A Saga de Denzel Washington Continua na Série Original da Netflix Adeus ao Bosque dos Cem Acres: Por que o Novo Filme do Ursinho Pooh está Sendo Retirado das Telonas