- Publicidade -

Luto mundial: DJ Alemã e tatuadora Shani Louk encontrada morta após sequestro pelo Hamas

0

Mundo em luto: Confirma-se a morte da DJ alemã Shani Louk

- Publicidade -

O cenário internacional foi tomado por um sentimento de consternação com a confirmação da morte de Shani Louk, DJ alemã de 22 anos e tatuadora, ocorrida após o seu sequestro pelo grupo Hamas. A triste notícia foi anunciada pelo Ministério das Relações Exteriores de Israel, causando uma comoção sem medidas entre os admiradores da artista, colegas de profissão e seus familiares.

Leia mais:

Conflito Israel-Hamas impulsiona valor de ações das maiores empresas de defesa

Incrível história de resistência: Como Rachel Edri enganou o Hamas e salvou sua família em Israel

- Publicidade -

Morte prematura de uma artista em ascensão

A jovem era um nome promissor dentro da cena eletrônica e usava suas habilidades artísticas não apenas na música, mas também como tatuadora. A notificação do falecimento foi dada por meio de uma publicação no X, sucessor do extinto Twitter. A mesma fonte relatou que o corpo de Shani já havia sido localizado e identificado.

No momento devastador, Ricarda Louk, mãe da DJ, recebeu a notícia através das informações fornecidas pelas forças armadas israelenses. Ela declarou à emissora alemã RTL/ntv, com uma dor inquestionável: “Infelizmente, recebemos ontem a notícia de que minha filha já não está viva”.

Foto: Terra

A confirmação da família

- Publicidade -

Adi, irmã de Shani Louk, tornou a tragédia ainda mais contundente ao confirmar a morte de sua irmã em uma publicação no Instagram. A notícia foi posteriormente divulgada pela rádio alemã Deutsche Welle.

Com a propagação do acontecimento, um vídeo disseminado pelas redes sociais mostrou Shani, infelizmente inerte, sendo transportada na traseira de uma caminhonete. Isso causou uma alarmante preocupação pública acerca da situação de outras possíveis vítimas.

A sequência aterradora dos fatos

A organização de resgate Zaka, divulgou que foram encontrados pelo menos 260 corpos no local onde ocorreu a rave alvo do ataque, complementando a sequência aterradora dos eventos. Ao ser entrevistada pela CNN dos EUA, Ricarda, mãe de Shani, compartilhou os tormentosos momentos do ataque.

A jovem estava no festival no sul de Israel, em pânico e à procura de um local seguro. A última vez que ambas falaram, Shani comunicou que buscaria um carro para chegar a um lugar seguro, e depois disso, seu contato foi perdido.

A tragédia se concretizou quando a família recebeu um vídeo que mostrava Shani na caminhonete, cercada por membros do grupo extremista. Além disso, Ricarda informou que várias tentativas de uso do cartão de crédito de Shani ocorreram na Faixa de Gaza.

Consequências e luto

A comoção gerada por esse evento só reitera a triste realidade de que a violência e o extremismo continuam a representar uma grave ameaça à liberdade e à vida. A prematura morte de Shani Louk, uma jovem talentosa e promissora, é uma perda irreparável para o mundo da música e das artes, deixando uma lacuna e muitas saudades.

O legado de Shani segue vivo em sua música e suas tattoos, proporcionando alento a todos que, como ela, amam a arte e vivem por ela. Nossos mais sinceros sentimentos à família, amigos e fãs de Shani Louk. Que sua memória seja sempre lembrada e homenageada.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. AceitarLeia mais

Horóscopo Do Dinheiro: 5 Signos Que Terão Muita Grana Este Ano BioBoost: A IA do LinkedIn que Potencializa sua Presença nas Redes Sociais Tiktok: Plataforma é banida em mais um país no meio político Chamas da Vingança se Espalham: A Saga de Denzel Washington Continua na Série Original da Netflix Adeus ao Bosque dos Cem Acres: Por que o Novo Filme do Ursinho Pooh está Sendo Retirado das Telonas