- Publicidade -

Tragédia em Israel: Jovem Brasileiro que estava desaparecido em rave, é encontrado morto

0

Jovem brasileiro morre em ataque terrorista durante rave em Israel: a tragédia narrada

- Publicidade -

Um terrível ataque terrorista ocorreu em um evento de rave em Israel no último fim de semana, ceifando a vida de centenas, incluindo o jovem brasileiro Ranani Glazer, 24 anos, que estava no local no momento do ataque. A informação de seu falecimento foi confirmada pela sua tia, em entrevista dada na noite da segunda-feira, dia 9.

Glazer estava na festa, localizada próxima à Faixa de Gaza, com sua namorada, Rafaela Treistman, e um amigo, Rafael Zimerman, quando a intensa celebração foi brutalmente interrompida por integrantes armados do grupo terrorista palestino Hamas, que invadiram o local, lançando granadas e fazendo disparos contra os presentes.

Foto: Redes Sociais

Leia mais:

- Publicidade -

Jovem abandona às pressas entrevista do ‘Mais Você’ devido a ataques em Israel

Conflito em Israel: Atriz Gabriela Duarte e filhos vivenciam momentos de tensão em Tel Aviv

O relato trágico de uma noite de terror

De acordo com Zimerman, os três brasileiros, assim que ouviram os primeiros disparos, buscaram refúgio se escondendo em um abrigo. Porém, ao saírem do esconderijo, ele e Rafaela perderam o contato com Glazer. “Quando saí do abrigo, dei de cara com a polícia”, relatou Zimerman.

“Estava com a Rafaela. Mas o Ranani infelizmente não saiu com a gente. Chorei demais. Agradeci. O que falei com Deus não está escrito. Quando vi a Rafaela, só pensava em cuidar dela. Sair sem o Ranani foi uma dor enorme para ela.”

- Publicidade -

Quantas vidas foram perdidas nessa tragédia?

O ataque resultou em mais de 260 mortos no evento. Porém, não está claro se Glazer já está contabilizado nessa cifra, nem se o número total de vítimas do conflito iniciado no sábado já foi oficialmente confirmado e divulgado.

O que aconteceu na rave?

Participantes da festa relataram que um alerta de foguetes soou logo após o amanhecer, seguido de barulhos de tiros. “Desligaram a eletricidade e, de repente, do nada, eles entraram atirando, disparando em todas as direções”, contou uma testemunha a uma emissora de Israel. “Cinquenta terroristas chegaram em vans, vestidos com uniformes militares.”

O Festival ocorria no deserto de Negev, perto do Kibutz Re-im, a poucos quilômetros da Faixa de Gaza, de onde combatentes do Hamas cruzaram ao amanhecer de sábado. O futuro permanece incerto para os sobreviventes, que lidam com a dor da perda e as cicatrizes de uma noite de terror.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. AceitarLeia mais

Horóscopo Do Dinheiro: 5 Signos Que Terão Muita Grana Este Ano BioBoost: A IA do LinkedIn que Potencializa sua Presença nas Redes Sociais Tiktok: Plataforma é banida em mais um país no meio político Chamas da Vingança se Espalham: A Saga de Denzel Washington Continua na Série Original da Netflix Adeus ao Bosque dos Cem Acres: Por que o Novo Filme do Ursinho Pooh está Sendo Retirado das Telonas