- Publicidade -

Desvio milionário sacode o mercado cervejeiro: operação mira quadrilha especializada

0

Operação Ceres: Polícia Civil mira em associação criminosa que atua contra fabricante de cervejas

- Publicidade -

A Polícia Civil de Mato Grosso efetuou uma operação de larga escala na manhã desta quarta-feira (13/9/2023) contra uma associação criminosa suspeita de praticar uma série de crimes contra uma conhecida fabricante nacional de bebidas, situada em Cuiabá. A associação é acusada de efetuar desvios de bebidas alcoólicas, focando em cinco marcas específicas de cerveja.

Chamada de “Operação Ceres“, a ação engajou 90 agentes que estão se dedicando a cumprir 48 mandados judiciais. Dentre esses, incluem-se 19 buscas e apreensões de computadores e dispositivos móveis, 18 mandados de buscas e apreensões gerais, seis ordens de sequestro e arresto de bens, quatro solicitações de quebra de sigilo bancário e fiscal, além de uma ordem de penhora no valor de R$ 12,7 milhões.

Leia mais:

Operação Lesa Pátria: A maior investigação forense da história da Polícia Federal Brasileira

- Publicidade -

Nestlé amplia portfólio com aquisição da Kopenhagen e Brasil Cacau em busca de crescimento

Quem é o alvo da Operação Ceres da Polícia Civil?

A investigação policial tem como alvo uma associação criminosa suspeita de praticar delitos como lavagem de dinheiro, furto qualificado, receptação qualificada, falsidade ideológica e, evidentemente, formação de quadrilha. O principal ato ilícito praticado pelo grupo criminoso era o desvio de cervejas de cinco marcas nacionais para fins não detalhados nos documentos judiciais.

Como a ação foi conduzida?

A Operação Ceres foi meticulosamente planejada pela Polícia Civil de Mato Grosso que mobilizou cerca de 90 agentes para o cumprimento dos 48 mandados. A ação foi amplamente abrangente, atingindo diversos endereços na capital, Cuiabá.

- Publicidade -

A ação visa desmantelar a organização criminosa e interromper as práticas ilegais, a fim de garantir a segurança da operação da fabricante de bebidas e manter a integridade do mercado de cerveja.

Reprodução/Metrópoles

E agora, quais os próximos passos?

Com a execução da operação, a Polícia Civil de Mato Grosso continua as investigações em torno da associação criminosa. Eles devem analisar os materiais coletados durante as buscas, incluindo equipamentos eletrônicos e documentos.

Além disso, deve-se prosseguir com os trâmites legais relacionados ao sequestro e arresto de bens, a quebra de sigilo bancário e fiscal e a ordem de penhora. Novas informações devem surgir nas próximas semanas, conforme ocorrer o avanço nas investigações.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. AceitarLeia mais

Horóscopo Do Dinheiro: 5 Signos Que Terão Muita Grana Este Ano BioBoost: A IA do LinkedIn que Potencializa sua Presença nas Redes Sociais Tiktok: Plataforma é banida em mais um país no meio político Chamas da Vingança se Espalham: A Saga de Denzel Washington Continua na Série Original da Netflix Adeus ao Bosque dos Cem Acres: Por que o Novo Filme do Ursinho Pooh está Sendo Retirado das Telonas