- Publicidade -

General Braga Netto citado em fraude: Justiça quebra sigilo telefônico em investigação

0

Operação Perfídia: General Braga Netto tem nome citado em investigação

- Publicidade -

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (12) a Operação Perfídia, uma investigação sobre uma suposta fraude no Gabinete de Intervenção Federal (GIF) no Rio de Janeiro. Dentre os nomes citados durante as apurações está o do general Walter Souza Braga Netto, ex-ministro da Casa Civil no governo de Jair Bolsonaro (PL).

Braga Netto, que também foi candidato a vice-presidente numa chapa encabeçada por Bolsonaro nas eleições de 2022, não é alvo direto dos mandados de busca e apreensão. Mas a Justiça autorizou a quebra do seu sigilo telefônico, aprofundando as investigações que chegam cada vez mais próximo ao comando da administração federal.

Leia mais:

Deputada Bia Kicis (PL-DF), publica vídeo do casamento de presa no 8 de janeiro!

- Publicidade -

Dançarina de IZA, Mileide Guedes, está desaparecida. Veja o que se sabe sobre o caso

Entenda a Operação Perfídia

A Operação Perfídia é uma etapa recente das investigações relacionadas à segurança pública no Rio de Janeiro. A apuração atual está focada na compra de coletes balísticos durante a intervenção federal na segurança do estado, ainda no governo de Michel Temer. O Tribunal de Contas da União (TCU) identificou suspeitas de superfaturamento e conluio na aquisição, que teria provocado um desvio de até R$ 4,6 milhões.

Qual é o envolvimento de Braga Netto?

O vínculo de Braga Netto com a investigação deriva do seu cargo à época dos fatos. Ele era o chefe do GIF quando o suposto esquema foi implementado. O contrato que está sob investigação não foi precedido por licitação e visava a compra de 9.360 coletes balísticos, com custo global de US$ 9,4 milhões.

- Publicidade -

Desdobramentos da operação

Os mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça foram cumpridos em diferentes locações: Rio de Janeiro, Minas Gerais, São Paulo e Distrito Federal. As apurações são conduzidas pela Polícia Federal, que busca elucidar os mecanismos de atuação e os possíveis envolvidos na fraude.

A inclusão do nome de Braga Netto soma-se a uma série de denúncias que tornam o ambiente do governo Bolsonaro cada vez mais conturbado. A administração federal aguarda ansiosa pelas próximas exigências da Operação Perfídia, que promete movimentar os próximos capítulos da política nacional.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. AceitarLeia mais

Horóscopo Do Dinheiro: 5 Signos Que Terão Muita Grana Este Ano BioBoost: A IA do LinkedIn que Potencializa sua Presença nas Redes Sociais Tiktok: Plataforma é banida em mais um país no meio político Chamas da Vingança se Espalham: A Saga de Denzel Washington Continua na Série Original da Netflix Adeus ao Bosque dos Cem Acres: Por que o Novo Filme do Ursinho Pooh está Sendo Retirado das Telonas