- Publicidade -

Recupere seu Pix enviado incorretamente: Veja como!

0

Nos últimos anos, o Pix revolucionou a maneira como lidamos com transações financeiras no Brasil. O serviço de transferências instantâneas tornou-se rapidamente popular devido à sua facilidade e rapidez.

- Publicidade -

Porém, junto com a agilidade e conveniência, surgiram também desafios – como o risco de enviar dinheiro para o destinatário errado. Esta situação é mais comum do que parece, mas há resoluções viáveis para tal imprevisto.

Leia mais:

Será o fim da gratuidade do Pix? Veja a explicação do presidente do Banco Central!

Usando o Pix como MEI? Saiba DISTO e evite problemas

- Publicidade -

Vale ressaltar que, como o Pix é um método de pagamento instantâneo, a recuperação do dinheiro transferido por engano não é garantida.

O Banco Central (BC) oferece o Mecanismo Especial de Devolução (MED) e a instituição financeira em que a transação foi realizada pode também ser uma fonte de auxílio.

pix
Fonte: CNN

Enviou um Pix para o destinatário errado: e agora?

O primeiro passo para resolver o problema de um Pix enviado por engano é manter a calma. Com a pressão, seu raciocínio pode ser prejudicado em um momento em que se necessita de clareza. Existem caminhos que podem ser seguidos para tentar recuperar o valor transferido erroneamente.

- Publicidade -

O Mecanismo Especial de Devolução (MED) do Banco Central pode ser uma ferramenta de ajuda. No entanto, é importante agir de maneira rápida para que o método seja eficaz.

Segundo Cristiano Maschio, CEO da Coretech Qesh, uma empresa especializada em finanças digitais, o procedimento para solicitar a devolução é bastante simples:

Passo a passo para recuperar um Pix enviado incorretamente

  1. Capture a tela da transferência errada e entre em contato com a instituição financeira pelo chat ou telefone.
  2. Ao ser atendido, explique a situação e informe que deseja acionar o MED.
  3. O banco enviará uma solicitação de devolução ao banco recebedor. Se for aceita e houver saldo na conta do destinatário, a devolução é realizada imediatamente.

Caso essa alternativa não funcione, um caminho pela lei sempre é viável. Segundo a atual legislação brasileira, receber valores depositados por engano e não devolver é considerado apropriação indébita e pode acarretar sérias consequências jurídicas.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. AceitarLeia mais

Horóscopo Do Dinheiro: 5 Signos Que Terão Muita Grana Este Ano BioBoost: A IA do LinkedIn que Potencializa sua Presença nas Redes Sociais Tiktok: Plataforma é banida em mais um país no meio político Chamas da Vingança se Espalham: A Saga de Denzel Washington Continua na Série Original da Netflix Adeus ao Bosque dos Cem Acres: Por que o Novo Filme do Ursinho Pooh está Sendo Retirado das Telonas