- Publicidade -

Em menos de seis meses, Lula quebra recorde de viagens presidenciais

0

Em menos de seis meses na Presidência da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) estabeleceu um inédito recorde de viagens internacionais quando comparado aos mandatos anteriores.

- Publicidade -

Leia mais:

Surpresa! Lula causa impacto e Caixa toma decisão inesperada sobre taxas do PIX para empresas

Lula faz alerta impactante sobre as chuvas no Sul: ‘Estamos destruindo o planeta!’

Um levantamento feito, apontou que a marca supera as registradas nas gestões de Jair Bolsonaro, Michel Temer e Dilma Rousseff.

- Publicidade -

Lula e Rei Charles III
Foto: Palácio de Buckingham/reprodução.

Quantas viagens Lula 3 já realizou?

Até agora, em seu terceiro mandato, o presidente Lula visitou 12 países em um período de 180 dias. A lista de viagens inclui países como Emirados Árabes Unidos, Reino Unido, Estados Unidos, China e Japão.

Foi apontado que o presidente passou 31 dias fora do Brasil, divididos em sete viagens diferentes. E a expectativa é que o número de viagens aumente.

Por que Lula viaja tanto?

- Publicidade -

Algumas das viagens programadas de Lula incluem participações em eventos internacionais relevantes. Por exemplo, em julho, Lula tem compromissos na Argentina para a 62ª Cúpula do Mercosul.

Ainda esse mês, o presidente deve visitar a Colômbia para um fórum de debates sobre a Amazônia, e se dirigir também à Bélgica para uma cúpula conjunta em Bruxelas, com a presença da União Europeia e da Comunidade dos Estados da América Latina e do Caribe (Celac).

O que se espera de tantas viagens?

As constantes viagens do presidente têm causado constrangimento em diversos setores. Dentro e fora das redes sociais, questionamentos sobre os gastos associados a essas viagens, assim como a priorização da política exterior em detrimento de assuntos internos, se fazem presentes.

Apesar disso, essas mesmas viagens são defendidas pelo governo como investimentos cruciais na melhoria da imagem do Brasil no exterior e no fortalecimento das relações diplomáticas.

Resta saber se essa estratégia será bem-sucedida e se as críticas irão diminuir. Afinal, por mais que as viagens possam fortalecer relações externas, os problemas internos do Brasil ainda são uma realidade que precisará de uma atenção especial.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. AceitarLeia mais

Horóscopo Do Dinheiro: 5 Signos Que Terão Muita Grana Este Ano BioBoost: A IA do LinkedIn que Potencializa sua Presença nas Redes Sociais Tiktok: Plataforma é banida em mais um país no meio político Chamas da Vingança se Espalham: A Saga de Denzel Washington Continua na Série Original da Netflix Adeus ao Bosque dos Cem Acres: Por que o Novo Filme do Ursinho Pooh está Sendo Retirado das Telonas