- Publicidade -

Doador de esperma britânico se orgulha de ter gerado mais de 160 filhos

0

Conheça a história do “pai mais fértil” do Reino Unido com mais de 160 filhos; saiba como sua doação de esperma ajuda mulheres a engravidar.

- Publicidade -

Joe, um homem de 51 anos que se auto-intitula como o “pai mais fértil” do Reino Unido, afirmou ao jornal “The Sun” que possui mais de 160 filhos, mas só teve a chance de encontrar um deles no último Dia dos Pais.

Leia mais:

Nascimento histórico: primeiro bebê com DNA de três pessoas nasce no Reino Unido

Mães podem ter tempo dedicado à criação de filhos reconhecido para aposentadoria no Brasil

- Publicidade -

Essa história incrível começou quando Joe decidiu se tornar um doador internacional de esperma, com o objetivo de ajudar mulheres a engravidarem através de “relações parciais”, ou seja, sexo sem beijo e sem relação natural ou artificial.

O homem, conhecido pelo pseudônimo de Single Joe, já viajou por várias partes do mundo, como América, Argentina, Itália, Cingapura, Filipinas e Reino Unido, doando seu esperma.

Das 160 crianças que ele alega ter gerado, Joe só conhece 60 delas. Atualmente morando no Reino Unido, Joe conversou com o jornal “The Sun” e comentou sobre seu relacionamento com seus filhos.

Fonte: CNN Brasil

Como Joe ajuda as mulheres a engravidarem?

- Publicidade -

Questionado sobre como é abordado pelas mulheres interessadas em receber sua doação, Joe explicou que, normalmente, elas entram em contato com ele através de redes sociais, como Facebook e Instagram.

Após receberem informações sobre o período de menstruação, ele faz cálculos usando sua “calculadora especial” e marca uma data para se encontrar com as mulheres e discutir como elas realizarão a inseminação.

“Para algumas pessoas, a inseminação natural é a mais eficaz, mas algumas pessoas estão em um relacionamento em que acham que isso pode causar problemas, então preferem fazer uma inseminação artificial”, comentou Joe sobre as diferentes formas de doação de esperma.

Por que as pessoas buscam ajuda nas redes sociais?

A procura por doação de esperma através das redes sociais aumentou nos últimos anos devido à escassez de esperma no Reino Unido e às restrições impostas pela pandemia de Covid.

Além disso, os custos associados à doação privada são muito elevados – até £ 2.000 (R$ 12.600) por um único ciclo de inseminação artificial utilizando esperma de doador ou até £ 7.000 (R$ 44.100) para fertilização in vitro.

Qual é a legislação sobre doação de esperma no Reino Unido?

No Reino Unido, a doação de esperma em troca de pagamento é proibida por lei. Isso significa que os interessados que passam por clínicas de fertilidade ou bancos de esperma não possuem quaisquer direitos ou responsabilidades em relação às crianças geradas com seu esperma. Entretanto, a partir dos 16 anos, a criança tem direito de solicitar informações sobre seu doador genético.

Com essa historia surpreendente de Joe, percebe-se que as pessoas estão recorrendo a métodos alternativos para realizar seus sonhos de serem pais.

Ainda que existam legislações e regras específicas, a determinação e a vontade de ajudar ao próximo unem essas pessoas em busca de uma jornada emocionante.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. AceitarLeia mais

Horóscopo Do Dinheiro: 5 Signos Que Terão Muita Grana Este Ano BioBoost: A IA do LinkedIn que Potencializa sua Presença nas Redes Sociais Tiktok: Plataforma é banida em mais um país no meio político Chamas da Vingança se Espalham: A Saga de Denzel Washington Continua na Série Original da Netflix Adeus ao Bosque dos Cem Acres: Por que o Novo Filme do Ursinho Pooh está Sendo Retirado das Telonas