- Publicidade -

Médico é demitido após prescrever sorvete e jogo ‘Free Fire’ para criança

0

Médico demitido em SP após prescrever sorvete e ‘Free Fire’ para criança com dor de garganta; descubra o caso e a reação da população. Veja!

- Publicidade -

Um médico da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Jardim Conceição, em Osasco (SP), prescreveu sorvete de chocolate e o jogo “Free Fire” junto com a lista de remédios de um menino de 9 anos que apresentava sintomas gripais e dor de garganta.

Leia mais:

Golpe dos Nudes: Polícia Civil prende 33 suspeitos, entre eles, políticos e médicos

A mãe da criança, Priscila da Silva Ramos, relatou o caso ao portal Metrópoles, informando que o médico foi desligado após o ocorrido. Ela afirma, no entanto, que o médico não examinou seu filho.

- Publicidade -

Além dos remédios amoxicilina, ibuprofeno, dipirona, prednisolona e acetilcisteína, a receita incluía “sorvete de chocolate duas vezes ao dia e Free Fire diário”.

Segundo Priscila, ela só notou esse detalhe na receita após chegar em casa e criticou a prescrição, questionando como o profissional poderia receitar sorvete de chocolate para uma criança com dor de garganta.

Fonte: SBT News

Como a Prefeitura de Osasco e o Cremesp se posicionaram sobre o caso?

Em nota ao portal Terra, a Prefeitura de Osasco informou que a organização social responsável pelas UPAs efetuou o desligamento do médico de seu quadro de prestadores de serviços.

- Publicidade -

O Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp), por sua vez, afirmou que até o momento não foi notificado oficialmente sobre o caso. Denúncias podem ser feitas pessoalmente ou por correio, na sede ou delegacias regionais do Cremesp.

Houve defesa ao médico nas redes sociais?

Após a repercussão do caso, internautas saíram em defesa do profissional nas redes sociais. Alguns consideraram a ação do profissional como inovadora e humana, focada no bem-estar da criança enquanto estivesse doente.

Outros destacaram que ele tentou ser simpático e acabou sendo mal interpretado, gerando críticas à decisão de seu desligamento.

Esse episódio mostra como a comunicação entre médicos e pacientes pode se tornar controversa e como é importante ter clareza e objetividade nas prescrições médicas, evitando mal entendidos e possíveis consequências negativas para o profissional e para o paciente.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. AceitarLeia mais

Horóscopo Do Dinheiro: 5 Signos Que Terão Muita Grana Este Ano BioBoost: A IA do LinkedIn que Potencializa sua Presença nas Redes Sociais Tiktok: Plataforma é banida em mais um país no meio político Chamas da Vingança se Espalham: A Saga de Denzel Washington Continua na Série Original da Netflix Adeus ao Bosque dos Cem Acres: Por que o Novo Filme do Ursinho Pooh está Sendo Retirado das Telonas