- Publicidade -

Reduflação: menos é mais ou mais é menos? : Como as empresas lucram às custas do consumidor

0

Entenda a reduflação nos supermercados, como afeta seu orçamento familiar e saiba se proteger deste fenômeno silencioso. Não perca!

- Publicidade -

Com a inflação em alta, os brasileiros têm enfrentado diversos desafios para manter o orçamento familiar sob controle.

Leia mais:

Glock, a Empresa que fazia a segurança do supermercado Unisuper, funcionava de forma irregular

Um desses desafios é a reduflação, fenômeno que tem afetado diversos produtos nos supermercados e impactado diretamente no bolso do consumidor.

- Publicidade -

A reduflação acontece quando há uma redução do volume ou mudança na fórmula de um produto mantendo o mesmo preço ou até mesmo aumentando-o.

peso errado / mercado / reduflação
Fonte: Listenx

Dessa forma, o consumidor acaba pagando o mesmo valor – ou até mais – por uma quantidade menor do produto.

Por que a reduflação está ocorrendo no Brasil?

A principal causa da reduflação é a redução do poder de compra da população brasileira nos últimos anos.

- Publicidade -

Devido ao processo inflacionário e à crise econômica, o poder de compra das famílias caiu cerca de 30% nos últimos cinco anos.

Isso faz com que as empresas busquem maneiras de não aumentar os preços de seus produtos para não perder mercado, resultando na redução do volume ou alteração na fórmula.

Como a legislação brasileira trata a reduflação?

No Brasil, as empresas têm o direito de fazer alterações na quantidade ou nos ingredientes de um produto.

No entanto, é essencial que o consumidor seja informado sobre essas mudanças de maneira clara e objetiva, conforme determina o Código de Defesa do Consumidor e a Portaria 392 do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Essa informação deve estar presente na embalagem por no mínimo seis meses, utilizando letras maiúsculas, em negrito, com cores contrastantes e em um tamanho legível.

Como identificar e denunciar casos de reduflação?

Embora a legislação seja clara, nem todas as empresas cumprem as regras estabelecidas para informar os consumidores sobre as alterações nos produtos.

Muitas vezes, são utilizadas embalagens praticamente idênticas às anteriores, sem comunicar adequadamente a redução de volume ou a mudança na composição.

Para denunciar práticas abusivas de mercado, como a reduflação, o consumidor pode recorrer aos Procons e ao site Consumidor.gov.br.

É importante estar sempre atento às informações presentes nas embalagens e verificar se há algum aviso de mudança nos produtos.

Em tempos de inflação e redução do poder de compra, é fundamental que os consumidores estejam cientes das práticas de reduflação e saibam como identificar e denunciar situações em que as empresas não estão cumprindo a legislação. Dessa forma, é possível garantir maior transparência e honestidade nas relações de consumo.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. AceitarLeia mais

Horóscopo Do Dinheiro: 5 Signos Que Terão Muita Grana Este Ano BioBoost: A IA do LinkedIn que Potencializa sua Presença nas Redes Sociais Tiktok: Plataforma é banida em mais um país no meio político Chamas da Vingança se Espalham: A Saga de Denzel Washington Continua na Série Original da Netflix Adeus ao Bosque dos Cem Acres: Por que o Novo Filme do Ursinho Pooh está Sendo Retirado das Telonas